Parque Olímpico abre as portas e as quadras para os cariocas

  • Por Secovi Rio -


Quase dois anos após a Olimpíada do Rio, a população começa a aproveitar as instalações dos Jogos. Os administradores da Arena Carioca 3, de uma quadra de esportes de areia e do Velódromo, que ficam no Parque Olímpico da Barra, vão liberar os espaços ao público. A Autoridade de Governança do Legado Olímpico, do Ministério do Esporte, negocia a abertura com o aplicativo Atleta.co, que há um mês agenda horários para as quadras de tênis do local. Foi o sucesso da iniciativa que levou os gestores a pensar na expansão do projeto.

NOVIDADES AINDA ESTE MÊS

O aplicativo permitirá o agendamento de horários para a prática de atividades como ciclismo e vôlei e futebol de areia, que acontecerão numa nova quadra, que não fazia parte do projeto original do parque. Ela foi construída recentemente, com dinheiro obtido por meio de contrapartidas, após a realização de eventos autorizados por confederações esportivas.

A ideia é que essas atividades tenham a mesma procura que a das quadras de tênis. Morador de Jacarepaguá, Emilson Gonçalves foi ao Parque Olímpico com amigos, na semana passada, e aprovou o sistema, que é gratuito. Os usuários só precisam levar seus equipamentos. As marcações podem ser feitas pelo aplicativo ou no site rio.atleta.co.

– A quadra de tênis daqui é excelente. E foi fácil demais agendar para a gente jogar – disse Gonçalves.

A Arena Carioca 3, que recebeu competições de judô paralímpico e de esgrima e taekwondo nos Jogos Olímpicos, vai receber escolinhas de cinco modalidades. A Subsecretaria municipal do Legado Olímpico assinou um protocolo de intenção com o Sesc Rio para o lançamento de um programa que deve ter início ainda este mês, com aulas de futsal, vôlei, basquete, tênis de mesa, luta olímpica e ginástica artística. O espaço também terá cursos de capacitação profissional e de inglês e espanhol, além de biblioteca e programa de assistência social.

PROJETO PARA PARQUE RADICAL

Atualmente, a Arena Carioca 3 recebe competições, treinamentos e seminários de diversas modalidades, por meio de parceria com federações e confederações esportivas. Atualmente, é palco do Campeonato Carioca de Futsal Sub-14.

O Campo de Golfe Olímpico, na Barra, também abre as portas para a população, mas há cobrança de taxa: durante a semana, por exemplo, o uso de 18 buracos custa R$ 100 e, de nove buracos, R$ 70. Outras informações estão no site campoolimpico.com.br.

Outro equipamento olímpico que terá mais utilidade para a população é o Parque Radical de Deodoro. Atualmente, devido a problemas de orçamento, o local só abre aos domingos, das 9h às 16h, com entrada gratuita. O convênio de intenção assinado pela prefeitura e pelo Sesc Rio também prevê a abertura da unidade em outros dias, de terça a sexta-feira, das 9h às 18h, com programação parecida com a que está sendo preparada para a Arena 3. No local também devem ser oferecidas aulas de natação, capoeira e hidroginástica, a partir deste mês.

(Fonte: O Globo, Bruno Alfano)