Campanhas para atrair consumidor

  • Por Secovi Rio -


O segundo semestre costuma ser o melhor período para as vendas no mercado imobiliário. Porém, este ano, devido aos efeitos da crise e às incertezas políticas em período de eleições, o setor deve caminhar a passos lentos. De acordo com especialistas, o cenário só deve melhorar a partir do segundo semestre de 2019. Na tentativa de zerar estoques, construtoras apostam em benefícios extras para dar um empurrãozinho nas vendas. Entre as ofertas, estão ITBI por conta da empresa, um ano de condomínio grátis e promoções que incluem carro de presente para quem fechar negócio. Segundo o Sindicato da Habitação (Secovi-Rio), o índice de vendas caiu 4,4% no primeiro semestre deste ano em relação ao mesmo período de 2017.

Nem mesmo os meses que costumam ter saldo positivo trarão alento para as construtoras. “As incertezas quanto aos rumos da economia e da política deixam o mercado cauteloso. O interessado tende a esperar o melhor momento para a compra”, diz o presidente da Associação de Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário (Ademi-RJ), Claudio Hermolin.

Ainda segundo o presidente da Ademi-RJ, o novo teto de R$1,5 milhão para financiar imóveis com recursos do FGTS também não deve trazer um cenário positivo para este ano. “O novo teto para financiamento da casa própria foi uma boa notícia, animou o mercado. Mas, na verdade, os resultados só começarão a ser sentidos no ano que vem”, complementa.

O resultado é a estagnação de ofertas. “Para tentar vender o estoque, as construtoras precisam usar da criatividade”, diz o vice-presidente do Secovi-Rio, Leonardo Schneider.

Na disputa por consumidores, construtoras tentam atrair futuros proprietários. A Even, por exemplo, dá um Fiat Mobi na compra de imóvel no residencial UP Barra, em Jacarepaguá. A campanha vale até o dia 2 de setembro. Pelo programa habitacional ‘Minha Casa Minha Vida, a Riviera Construtora oferece, neste mês, aos clientes que comprarem unidade à vista (com 20% de desconto), uma moto Yamaha. A oferta é para o residencial Central Park Riviera, em Duque de Caxias.

Condomínio grátis para proprietário

Nas campanhas para impulsionar vendas, as construtoras também oferecem condomínio grátis para um ano na compra de um imóvel. A estratégia tem apelo, já que, atualmente, o índice de atraso e inadimplência da cota atingem o patamar de 10% no Rio.

A Calçada é uma das empresas que apostam na iniciativa, em empreendimentos em Jacarepaguá, Méier, Penha e Tijuca. Além de um ano de condomínio grátis, o cliente ganha financiamento com taxa reduzida (8,85% a.a), e pode dar o carro como parte da entrada. A promoção ainda inclui armários na cozinha e no quarto. As unidades custam a partir de R$ 229 mil.

Já a Avanço Realizações Imobiliárias oferece promoções em imóveis residenciais e comerciais nos bairros de Olaria, Freguesia e Cachambi, com preços a partir de R$ 349 mil. Na compra de unidades residenciais, o cliente poderá escolher entre ITBI grátis ou armários nos cômodos, além da isenção do condomínio por um ano.

Já para as unidades comerciais, a Avanço Realizações Imobiliárias também oferece ITBI grátis e imóvel com piso, pintura, estuque de gesso, teto rebaixado e instalações elétricas. Há opções nos bairros do Cachambi e Freguesia.

Fonte: O Dia