Eficiência energética é vetor de oportunidades em desenvolvimento sustentável

  • Por Secovi Rio -


A questão da energia está entre as megatendências que são desafios para a sociedade e que têm sido direcionadores para pesquisa e inovação. Iniciativas para atender à demanda energética e garantir a proteção climática, a partir do uso sustentável dos recursos, são essenciais, principalmente no setor da construção. A indústria da construção é responsável pelo consumo de quase metade de toda a energia produzida no mundo, segundo a Agência Internacional de Energia (AIE). Dados do Conselho Brasileiro de Construção Sustentável (CBCS) apontam que as edificações consomem cerca de 50% da energia elétrica do Brasil, durante a fase de uso e operação.

Avanços importantes têm sido alcançados por países que investiram em incentivos ao desenvolvimento de novas tecnologias na área energética. É o caso da geração de energia solar, que tem crescido de forma relevante em todo o mundo, impulsionada por países como a China, que alcançou cerca de 40% de toda a capacidade solar instalada globalmente em 2016. A Alemanha também vem se destacando como país-modelo na geração solar, com a maior capacidade instalada por pessoa: quase 500 watts para cada habitante. É uma tendência mundial que garante energia limpa e com importante economia de recursos financeiros.

Para saber mais sobre o assunto, leia a notícia completa no blog Condomínios Verdes, do Secovi Rio.