Cedae adia manutenção anual do Sistema Guandu para o dia 23/11 devido a onda de calor no RJ

Devido à onda de calor que atinge a Região Metropolitana do Rio de Janeiro, a Cedae adiou para a quinta-feira da próxima semana (23/11) a manutenção anual do Sistema Guandu, anteriormente prevista para o dia 16/11.  A decisão foi validada pelo Conselho do Sistema de Fornecimento de Água da Agenersa (Agência Reguladora de Energia e Saneamento Básico do Estado do Rio de Janeiro). O serviço será realizado das 4h de quinta-feira às 4h de sexta-feira (24/11), período em que a meteorologia aponta redução da temperatura.

A manutenção é parte da preparação da Cedae para o verão e é fundamental para que o sistema esteja pronto para a época de maior demanda. Trata-se de uma operação complexa e programada com antecedência, mas com as altas temperaturas previstas para os próximos dias, a Companhia e a Agenersa priorizaram a produção contínua de água para a população.

Composto pela Estação de Tratamento de Água (ETA) do Guandu e por dois subsistemas de água tratada, Marapicu e Lameirão, o sistema é responsável pelo abastecimento de mais de 10 milhões de pessoas no município do Rio de Janeiro e na Baixada Fluminense.

O serviço vai mobilizar mais de 500 profissionais, entre engenheiros, eletricistas, mecânicos e agentes de saneamento. Os técnicos farão inspeções e correções para reforçar a eficiência do sistema, como instalação de equipamentos, reparos gerais, ajustes eletromecânicos, revisão de peças e limpeza das estruturas que não podem ser acessadas durante a operação normal.

Desligamento e normalização do abastecimento

Durante o serviço, a produção de água vai ficar interrompida, afetando o abastecimento para os municípios do Rio de Janeiro, Duque de Caxias, São João de Meriti, Nova Iguaçu, Mesquita, Nilópolis, Belford Roxo e Queimados. A operação do sistema será retomada de forma gradativa logo após a conclusão da manutenção.

A Cedae recomenda à população que reserve água para o período, adiando tarefas não essenciais que exijam grande consumo.

A distribuição de água nas localidades atendidas é de responsabilidade das concessionárias Águas do Rio, Iguá e Rio+Saneamento, de acordo com as respectivas áreas de atuação.

 

FONTE: Cedae

Gostou do conteúdo? Compartilhe!