Newsletter

O Secovi Rio calculou que o IPTU de um apartamento em Ipanema, com cobrança de R$ 9.356 em 2017, subiria para R$ 20.970 em 2019 (+124%), caso as novas regras de cálculo do IPTU propostas pela Prefeitura do Rio à Câmara de Vereadores sejam aprovadas sem emendas.Quer saber qual seria o valor no seu novo IPTU? Clique aqui ou envie o número de inscrição do seu imóvel para o whatsapp do Secovi Rio, (21) 98547-2812, para fazermos a simulação. 

Uma proprietária da Vila da Penha que pagou R$ 465 em 2017 desembolsaria R$ 605 em 2019 (+30%). A proposta também aumenta de 2% para 3% o imposto cobrado no ato de compra (ITBI). “Em época de crise, um aumento acima da inflação é inimaginável”, criticou Pedro Wähmann, presidente do Secovi Rio.

Na percepção dele, imóveis mais antigos sofrerão maior impacto sobre o aumento do IPTU, pois são cadastrados com valores venais menos atuais. Cerca de 500 mil donos de imóveis que eram isentos deverão ser cobrados já no ano que vem. A informação foi divulgada ontem pela Secretaria Municipal de Fazenda. Atualmente, dos 1,9 milhão de imóveis cadastrados, 1,1 milhão (57,89%) não pagam o IPTU.



A feira do síndico é uma oportunidade para fornecedores do setor encontrarem os tomadores de decisão dos principais condomínios do Rio de Janeiro. O evento é organizado pela Câmara Comunitária da Barra da Tijuca e pela Associação Brasileira das Administradoras de Imóveis (Abadi) e reúne todo segmento em torno de palestras, fóruns e workshops que discutem a melhoria e modernização de infraestrutura e serviços nos condomínios. O Secovi Rio terá um estande. 

O evento, que acontece nos dias 23 e 24/6, contará com conferência do Desembargador Sylvio Capanema, e de palesrras sobre terceirização, convivência em condomínios, aspectos legais da vistoria predial e da inspeção do gás. O diretor jurídico da Abadi, Marcelo Borges, dará o workshop "Responsabilidades inerentes aos condomínios".

Serviço - Feira do Síndico
Datas: 23/6 (19h) e 24/6 (8h30 às 18h30)
Local: Av. Marechal Henrique Lott, 135 - Barra da Tijuca/RJ
Para mais informações e inscrições, clique aqui.


É uma manhã de quinta-feira, quando chego à portaria de um condomínio em Copacabana. Antes de pedir para ser anunciada, noto que o porteiro tenta contornar alguma situação envolvendo vagas de garagem.

O interfone toca e, pela conversa, percebo que quem está do outro lado da linha é o síndico. O funcionário relata o ocorrido a “seu Carlinhos”. Até aí, uma situação bem comum em condomínio, senão pelo fato de que “seu Carlinhos” é o internacionalmente famoso dançarino Carlinhos de Jesus.

O artista dispensa apresentações como coreógrafo, diretor, professor, empreendedor, jurado, apresentador e tantas outras coisas. Mas, definitivamente, essa é uma faceta que surpreende a muitos. Em uma conversa descontraída com a Revista Secovi Rio, ele mostrou um pouco mais da vida de Carlos Augusto da Silva Caetano de Jesus (“vai me travando que eu falo demais; se deixar, eu vou...”), suas façanhas e como é viver a vida em ritmo acelerado. 

Veja aqui a entrevista.



O Departamento Jurídico do Secovi Rio explica que a Lei 4.591/64 e o Código Civil são expressos em determinar que o critério de rateio das cotas condominiais será pela fração ideal de cada unidade, salvo se houver disposição em contrário na convenção.

Ou seja, a comunidade pode adotar o critério da fração ideal ou outro que desejar, porém, sempre deverá ser observado aquele que estiver previsto na convenção.

Portanto, para modificação do critério de rateio, é obrigatória a modificação da convenção do condomínio, através de deliberação assemblear com item específico e aprovação por 2/3 dos condôminos.



Compreender a implementação eficaz de ações de sustentabilidade e os conhecimentos relevantes sobre as possibilidades de certificações ambientais tem se tornado uma necessidade para os condomínios nos dias atuais. Afinal, além de proteger o meio ambiente, esse tipo de atitude pode ser fundamental para a redução do desperdício e, consequentemente, dos custos condominiais, o que é bom para o bolso de todos os moradores. 

Para auxiliar nesse sentido, a UniSecovi Rio promove, em parceria com o Green Building Council Brasil, o workshop Sustentabilidade, no dia 6 de julho, de 9h às 18h, na sede do Secovi Rio (Av. Almirante Barroso, 52 / 9º andar - Centro).

A facilitadora, Rosana Correa, é arquiteta e urbanista, professora da FGV e sócia fundadora da Casa do Futuro, empresa que presta serviços de gestão inovadora de projetos, sustentabilidade, eficiência hidroenergética e tecnologia na área da construção civil.

Quer saber mais sobre programa, investimento e inscrição? Veja aqui.



Revista Secovi Rio

Edição 106

Edição 106

Enquete

Você faria um curso de extensão para formação de síndicos na parte da manhã (de segunda-feira à quarta-feira, de 9h30 às 12h20, durante quatro meses?




×

Envie por email

Carregando...

×
×

Resultados da enquete

Carregando...